11:11 | 26/07/2017

Computação em Nuvem – uma conversa com Marcos Paraíso, da IBM Brasil

A computação em nuvem permite às empresas consumir TI de uma forma diferente da tradicional e oferece modelos de pagamento por uso dos recursos computacionais” (Marcos Paraíso, líder de Cloud Services da IBM Brasil)

Computação em Nuvem – uma conversa com Marcos Paraíso, da IBM Brasil, Loredane Feltrin, da Microsoft, e Luiz Piovesana, da Sensedia

Computação em Nuvem (ou Cloud Computing) é a possibilidade de acessar e utilizar serviços como armazenamento, bancos de dados, rede, software e análise, entre outros, de qualquer lugar a partir de servidores compartilhados e conectados pela internet. O serviço é oferecido por empresas que possuem programas provedores de nuvem como o Web Services, da Amazon, o Azure, da Microsoft, o Cloud Storage, do Google e o Smart Cloud da IBM, entre outros.

Fonte: shutterstock

Segundo Marcos Paraíso, líder de Cloud Services da IBM Brasil, a Computação em Nuvem é um novo modelo de consumo de TI (Tecnologia da Informação), baseado em economia de escala, compartilhamento de recursos e automação. “A computação em nuvem permite às empresas consumir TI de uma forma diferente da tradicional e lhes oferece modelos de pagamento por uso dos recursos computacionais, elasticidade de ajuste das demandas de forma dinâmica e grande agilidade, através de um elevado grau de automação na alocação e uso desses recursos.”

Existem três tipos de Nuvem: Pública, Privada e Híbrida. As Nuvens Públicas são de propriedade de um provedor de serviço de nuvem, alocado em datas centers fora da empresa que o usa. As Nuvens Privadas são de uso exclusivo de uma única organização, que mantém os serviços e a infraestrutura em uma rede privada. E as Nuvens Híbridas combinam as duas anteriores por meio de uma tecnologia que permite que dados e aplicativos sejam compartilhados entre elas. Paraíso, da IBM Brasil, afirma que a empresa aposta que nos próximos anos a Nuvem Híbrida se tornará o modelo mais utilizado. “A criação de modelos híbridos de computação em Nuvem permite a interação, de forma transparente, com o legado de TI dos clientes", diz. O executivo diz ainda que, para os desenvolvedores, a computação em Cloud é o ponto de partida para a criação de seus negócios, em função da agilidade proporcionada ao desenvolvimento de projetos e a entrega de novos produtos e soluções ao mercado.

A Microsoft é uma empresa que roda praticamente todas as suas operações com base na Nuvem. Loredane Feltrin, diretora de Office no Brasil, diz que diariamente são feitas milhares de trocas de arquivos, consultas a banco de dados, acesso a serviços e aplicações e desenvolvimento de novos projetos – atividades que demandam uma capacidade enorme de processamento de informações. “A grande vantagem do Office 365, nossa ferramenta de produtividade na Nuvem, é disponibilizar programas como Word, Excel, Outlook e OneNote, e serviços como OneDrive e Skype, para que se possa trabalhar e colaborar de qualquer lugar e em qualquer dispositivo.”

Luiz Piovesana, gerente de marketing da Sensedia, empresa de produtos em APIs (Interface de Programas de Aplicativos), SOA (Arquitetura Orientada a Serviços) e Microservices (estratégia de arquitetura de software que torna os serviços escaláveis), diz que o Cloud está presente em todos os níveis da companhia, do Marketing ao RH, passando por Vendas, Suporte e P&D. “Usamos a Suite Google Apps, que funciona completamente online, além do Google Drive e do Dropbox.” Um benefício importante, segundo Piovesana, é a segurança das informações. “Backups físicos são pouco confiáveis e geram muito trabalho. Acreditamos que as ferramentas especializadas conseguem fazer isso melhor do que nós, usuários.”

Além da segurança, a simplificação de processos para aumentar a produtividade das empresas, de seus colaboradores e do usuário final é outra vantagem da Computação em Nuvem. Seu poder de análise de dados e de transformação digital mudará a maneira como as empresas interagem com seus clientes, capacitam seus funcionários, otimizam suas operações e transformam seus produtos.

Fique ligado na plataforma CNI Digital para mais conteúdos sobre Computação em Nuvem!